Contas falsas, conhecidas como bots, podem ajudar a persuadir o público e reformular o debate político

Usuários não poderão publicar mensagens idênticas em várias contas ao mesmo tempo ou utilizar softwares para isso; mudança provocou reação de setores conservadores, que disseram ter perdido seguidores.

O Twitter anunciou que não mais vai permitir que pessoas publiquem mensagens idênticas em várias contas ao mesmo tempo, coibindo uma tática que agentes russos e outros supostamente utilizaram para viralizar determinados tuites, temas ou tópicos dentro da rede social.

A empresa também disse na quarta-feira, 21, que não vai permitir que pessoas usem softwares para executar outras ações simultaneamente, como curtir ou retuitar publicações de diversas contas.

O Twitter, conhecido por ser um espaço de discussões abertas com mensagens curtas, de até 280 caracteres, sofre nos últimos anos a pressão de usuários e governos ocidentais para impedir a propagação de notícias falsas e propaganda estrangeira, muitas vezes realizada com a ajuda de contas automatizadas conhecidas como bots.