Casal cria negócio para ENSINAR FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS a inovar



A WeGov levou o design thinking e a gestão de redes sociais para o setor público.

Hoje todo está mundo no Facebook, WhatsApp e Instagram. Por que as empresas conseguem transformar essa tecnologia em bons serviços e as instituições públicas não?". O questionamento é do empreendedor brasileiro André Tamura, que fundou ao lado de sua esposa, Gabriela, um negócio para fomentar a inovação no setor público.

Sediada em Florianópolis, a startup WeGov nasceu em 2015. Com workshops de design thinking, oficinas de redes sociais e consultorias, ela já "treinou" 5 mil servidores públicos de 700 instituições. Entre seus clientes, estão tribunais regionais eleitorais e do trabalho, Correios, Secretaria de Segurança Pública de São Paulo e até a Secretaria da Presidência da República.

Segundo Gabriela, o foco da WeGov não é ensinar a fazer o post perfeito ou criar um meme, mas apresentar casos e reflexões que inspirem "funcionários a se tornarem inovadores". É falar, por exemplo, de design thinking, engajamento por WhatsApp ou storytelling — com cases, inclusive, do setor privado.

"O setor público não tem de vender produto que nem o Ponto Frio faz, mas por que não se inspirar no design do anúncio dele ou na forma como ele se comunica no Facebook?", diz Tamura.

O casal já chegou a faturar R$ 500 mil por ano, e precisou aprendeu a lidar com a morosidade da máquina pública para vender (e receber). Quase faliu em 2016 com a crise econômica. No fim, conseguiu um aporte da Softplan quando estava prestes a fechar as portas. Deu a volta por cima, voltou a crescer e a despertar interesse — neste ano, promoveu uma oficina de redes sociais no Ministério da Fazenda. Em 2018, a expectativa da empresa de 12 funcionários é faturar R$ 1,4 milhão.

Grande parte dessa receita vem do HubGov, uma espécie de incubadora criada pela WeGov em 2017, para acelerar soluções criadas pelas instituições públicas. Elas pagam uma inscrição de R$ 16 mil para participarem. Cada uma, representada por até quatro servidores, apresenta uma ideia e, durante um programa de treinamento de até 300 horas, busca desenvolvê-la.
Casal cria negócio para ENSINAR FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS a inovar Casal cria negócio para ENSINAR FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS a inovar Reviewed by Daniel Nuredo on 03 junho Rating: 5

Nenhum comentário

Recent in Games

Image Link [https://pbs.twimg.com/profile_images/947950678483316736/8L2OOHt5_400x400.jpg] Author Name [Escrito por Daniel Nuredo] Author Description [Empreendedor digital, palestrante, ciclista, apaixonado por marketing digital e tecnologia e fundador do JobDoDaniel - Marketing Digital ] Facebook Username [danielnuredo] Twitter Username [danielnuredo] Instagram Username [danielnuredo]