"O Facebook derrubou 11 páginas e 42 perfis ligados à empresa marketing digital Follow, investigada pelo Ministério Público pela contratação de ativistas digitais para compartilhar notícias e postagens favoráveis a candidaturas do PT. Uma das páginas removidas é da própria agência de marketing. Segundo o Facebook, a retirada das páginas aconteceu nesta sexta-feira (29)."

Trabalhamos muito para proteger a integridade da nossa plataforma, e sabemos que isso é especialmente importante perto de eleições. Recentemente, foi noticiado que uma empresa brasileira de marketing digital chamada Follow estaria recrutando pessoas no Brasil para distribuir conteúdo político que simula ser orgânico para nossa comunidade.

Após uma investigação, hoje nós removemos 11 Páginas e 42 Perfis diretamente associados com a atividade da Follow por violarem as nossas políticas de autenticidade.

Embora neste momento nós não estejamos agindo contra as pessoas que podem ter sido contratadas por esta empresa, nós estamos tomando medidas para remover o conteúdo associado à Follow.