Royal Household procura funcionário que encontre novas maneiras de ‘manter a presença da rainha aos olhos do público’.

Mais engajada na web do que nunca, a rainha Elizabeth II procura um social media para cuidar da sua imagem nas redes sociais.

O comunicado foi dado pela Royal Household, que procura um gerente de Comunicações Digitais para descobrir “novas maneiras de manter a presença da rainha aos olhos do público e no cenário mundial” em todas as plataformas.

Recentemente, a rainha fez a primeira publicação dela no Instagram.

O funcionário, que terá salário de R$ 152 mil por ano, participará de coberturas de visitas de estado, cerimônias reais e escreverá artigos para o novo site da Royal. “Com um olho para o futuro, você ajudará a aperfeiçoar e moldar nossas comunicações digitais através da análises, monitoramento e exploração de novas tecnologias. A reação ao nosso trabalho é sempre de alto nível e assim a reputação e o impacto estarão à frente de todos”, alerta o comunicado.

Além do salário, que vai depender a experiência do candidato, o funcionário terá algumas vantagens, como plano de aposentadoria de contribuição de empregador de 15% após seis meses, 33 dias de férias, incluindo feriados, almoço grátis e treinamento profissional.

A família real também é acompanhada de perto por internautas nos perfis oficiais do Palácio de Buckingham no Twitter e Instagram.